Região Sul/ES,


Busca

VETO • Brasil

Bolsonaro veta PL que liberaria remédios para câncer via planos de saúde

Aprovada pelo Congresso no início deste mês, a proposta era defendida por entidades médicas, que viam mais conforto e opções para quem estivesse em tratamento

Por Redação | 27.07.2021

Bolsonaro veta PL que liberaria remédios para câncer via planos de saúde

O presidente Jair Bolsonaro vetou nesta segunda-feira, 26, o projeto de lei que abriria espaço para a incorporação por planos privados de saúde de 23 novos medicamentos orais para pacientes diagnosticados com câncer. Aprovada pelo Congresso no início deste mês, a proposta era defendida por entidades médicas, que viam mais conforto e opções para quem estivesse em tratamento. Enfrentava, no entanto, resistência de operadoras de saúde.

O projeto, segundo a Subchefia para Assuntos Jurídicos da Presidência da República, teria sido vetado após manifestações técnicas de ministérios competentes e por razões jurídicas.

"Embora a boa intenção do legislador, a medida, ao incorporar esses novos medicamentos de forma automática, sem a devida avaliação técnica da Agência Nacional de Saúde (ANS) para a incorporação de medicamentos e procedimentos ao rol de procedimentos e eventos em saúde, contrariaria o interesse público por deixar de levar em conta aspectos como a previsibilidade, transparência e segurança jurídica aos atores do mercado e toda a sociedade civil", justificou a Subchefia para Assuntos Jurídicos da Presidência da República.

O órgão apontou ainda que a proposta teria como consequência o "inevitável repasse" de custos adicionais aos consumidores, o que faria encarecer ainda mais os planos de saúde. "Além de trazer riscos à manutenção da cobertura privada aos atuais beneficiários, particularmente os mais pobres", disse. Conforme mostrou reportagem do Estadão, esse é um dos principais argumentos de entidades ligadas aos planos de saúde.

Em nota, a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), representante de 15 dos maiores planos nacionais, afirma que considera a decisão é adequada. "A inclusão automática prevista no projeto de lei afetaria um dos pilares do funcionamento da saúde suplementar e prejudicaria a sustentabilidade de um sistema que assiste mais de 48 milhões de pessoas", diz.

Além dos tratamentos orais domiciliares, o projeto de lei previa que os planos entregassem as medicações em até 48 horas após a receita médica, de maneira fracionada ou conforme o ciclo de evolução e tratamento da doença. Desse modo, os pacientes passariam a ter acesso a remédios que não têm cobertura das operadoras - seria exigido apenas que o medicamento já fosse aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e de prescrição médica.

A etapa de análise para inclusão no rol dos convênios médicos, realizada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), não seria mais necessária para a quimioterapia oral. Atualmente, há 59 tratamentos cobertos pela ANS e outros 23, que já têm aval da Anvisa, mas não têm oferta garantida pelos convênios.

Para a relatora do projeto na Câmara dos Deputados, a deputada Silvia Cristina (PDT-RO), a nova legislação era "imprescindível para dezenas de milhares de brasileiros que, mensalmente, gastam considerável parte do seu orçamento para garantir um plano de saúde".

O fundador do Instituto Vencer o Câncer (IVOC), Fernando Maluf, disse em artigo publicado no Estadão que o projeto de lei poderia beneficiar até 50 mil pacientes oncológicos que dependem de plano de saúde. "O modelo de cobertura automática é fundamental no cenário oncológico, já que o câncer é uma doença que pode ter progressão rápida", escreveu.

Morre o ator Luis Gustavo, aos 87 anos
Cultura

Morre o ator Luis Gustavo, aos 87 anos

SpaceX divulga primeiras fotos dos tripulantes civis no espaço
TECNOLOGIA

SpaceX divulga primeiras fotos dos tripulantes civis no espaço

Alemanha libera de quarentena turista do Brasil vacinado com Coronavac
VACINAS

Alemanha libera de quarentena turista do Brasil vacinado com Coronavac

Mulher morre após ser arrastada por metrô por causa de coleira de cão
Escolha uma categoria

Mulher morre após ser arrastada por metrô por causa de coleira de cão

Vacinas são a melhor maneira de proteger crianças e adolescentes, diz Mandetta
PANDEMIA

Vacinas são a melhor maneira de proteger crianças e adolescentes, diz Mandetta

Queiroga diz que partiu de Bolsonaro orientação para rever vacina de adolescentes
VACINAÇÃO

Queiroga diz que partiu de Bolsonaro orientação para rever vacina de adolescentes

Lula teria 56% no 2º turno contra 31% de Bolsonaro, mostra pesquisa Datafolha
POLÍTICA

Lula teria 56% no 2º turno contra 31% de Bolsonaro, mostra pesquisa Datafolha

Samarco participa com dois novos desafios da terceira edição do Findeslab
Escolha uma categoria

Samarco participa com dois novos desafios da terceira edição do Findeslab

Eco 101 promove ações na Semana Nacional de Trânsito
Trânsito

Eco 101 promove ações na Semana Nacional de Trânsito

Na reta final, paisagismo será a nova etapa das obras no balneário de Castelhanos
Cidade

Na reta final, paisagismo será a nova etapa das obras no balneário de Castelhanos

Governador apresenta Plano de Investimentos a prefeitos e lideranças da região Litoral Sul
POLÍTICA

Governador apresenta Plano de Investimentos a prefeitos e lideranças da região Litoral Sul

Itapemirim promove grande mutirão no Dia Mundial da Limpeza
Meio Ambiente

Itapemirim promove grande mutirão no Dia Mundial da Limpeza

PM participa de reunião da Repas em Guarapari
POLÍCIA

PM participa de reunião da Repas em Guarapari

Secretaria Municipal de Agricultura realiza reparos em estradas no interior de Marataízes
ESTRADAS

Secretaria Municipal de Agricultura realiza reparos em estradas no interior de Marataízes

Em jogo protocolar, Flamengo despacha Grêmio e avança na Copa do Brasil
COPA DO BRASIL

Em jogo protocolar, Flamengo despacha Grêmio e avança na Copa do Brasil

Projeto Construir, da Prefeitura de Marataízes e faculdade Pitágoras, realizam ação
Parcerias

Projeto Construir, da Prefeitura de Marataízes e faculdade Pitágoras, realizam ação

PIB capixaba acumula crescimento de +7,9% no ano e supera desempenho nacional
Economia

PIB capixaba acumula crescimento de +7,9% no ano e supera desempenho nacional

Rua no bairro Jardim Itapemirim, em Cachoeiro, recebe asfaltamento na sexta-feira (17)
Infraestrutura

Rua no bairro Jardim Itapemirim, em Cachoeiro, recebe asfaltamento na sexta-feira (17)

Governo do Estado lança portal que reúne informações de todos serviços públicos ofertados à população
TECNOLOGIA

Governo do Estado lança portal que reúne informações de todos serviços públicos ofertados à população

Canabidiol será testado contra efeitos pós-covid-19
PANDEMIA

Canabidiol será testado contra efeitos pós-covid-19

Vídeos
-->