Menu

Home Litoral Sul Infraestrutura

Espirito Santo vai à justiça para garantir nova ferrovia no Estado

Por Helio Barboza | 04.07.2018

 

 

Em entrevista coletiva concedida na tarde desta terça-feira (03), no Palácio Anchieta, o governador Paulo Hartung anunciou, ao lado do procurador-geral do Estado, Alexandre Nogueira Alves, e do secretário de Estado de Desenvolvimento, José Eduardo Faria de Azevedo, que o Governo vai ingressar com uma ação na Justiça Federal para suspender a decisão da União que prevê a construção da Ferrovia de Integração do Centro Oeste (Fico) como contrapartida à antecipação da renovação da concessão da Ferrovia Vitória-Minas.

 

Mais cedo o senador Ricardo Ferraço já havia dado uma entrevista demonstrando sua contrariedade com a intenção do Governo Federal mudar os planos previamente acertados com a Vale para a construção da ferrovia ligando o Espírito Santo ao Rio de Janeiro, em troca da renovação da concessão da empresa na Vitória-Minas.

 

Quem também se manifestou foi a deputada federal Norma Ayub (DEM). Em mensagem enviada aos meios de comunicação, a deputada disse: "A semana começou com uma notícia preocupante para o povo capixaba! A construção da Ferrovia EF - 118, ligando Vitória à Presidente Kennedy que estava inicialmente previsto para acontecer como contrapartida da Vale pela renovação da ferrovia Vitória - Minas, agora está com destino incerto.

 

Apesar do acordo existir desde 2017, o Governo federal anunciou que vai tirar investimento do ES e levar para a Ferrovia Integração Centro- Oeste, que interligará o Mato Grosso ao estado de Goiás. Não podemos aceitar isso”, enfatizou.

 

A deputada ainda destacou a importância que a Ferrovia EF – 118 terá para o desenvolvimento econômico do Espírito Santo e principalmente para o sul do Estado, o maior polo de Rochas Ornamentais do país. A deputada concluiu dizendo que essa manobra do Governo Federal é uma deslealdade com o povo capixaba.

 

O traçado capixaba é de 160 km inclui 12 municípios a partir de Cariacica, na Grande Vitória. A previsão é de que a obra possa gerar cerca de 5 mil empregos.

 

 

OPINIÃO

 

*José Amaral Filho

 

O TREM SAIU DOS TRILHOS

O atual governo federal acaba de anunciar que o investimento que seria feito na Variante Ferroviária Litorânea Sul que traria um ramal ferroviário da Estrada de Ferro Vitória-Minas,

no município de Cariacica, até Viana, possibilitando o contorno de Vila Velha, uma nova interligação da malha existente da Ferrovia Centro Atlântica a partir do município de Viana, na região da Grande Vitória, com Cobiça, município de Cachoeiro de Itapemirim, na região sul do Estado e, um ramal que dá acesso ao porto de Ubu e outro para atender ao Porto Central, em Presidente Kennedy, será transferido para o Centro Oeste. Ou seja, o Espírito Santo que foi um dos mais fortes aliados do atual governo em todos os seus projetos, inclusive no golpe e na sustentabilidade do pior governo da história desse país, foi deixado de lado.

 

Devemos agora cobrar de nossa inexpressiva e pouco confiável bancada, que a mesma não se cale por emendas constitucionais diante dessa afronta a um projeto previsto desde 2007.

 

 

Comentários Facebook


Confira nossa última Edição
e fique informado!

 

Edição 271

Junho / 2018

  Todas as Edições

Leia na Edição Impressa


40ª Corrida de São Pedro contou com mais de mil participantes P. 08
Polícia Federal investiga tramas políticas em Itapemirim P. 4
Falso professor é desmascarado em Marataízes P. 7
Agência do Bandes Fundesul Presidente Kennedy já tem data para inaugurar P. 5

Atendimento

  (28) 99916-0361

  ojornal@ojornalonline.com.br

 

Rua Helena Valadão, 59
Cidade Nova
Marataizes - ES
CEP: 29.300-000

O Jornal Online

 

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

 

© 2017 O Jornal Online. Todos os direitos reservados.