Menu

Home Itapemirim Educação

Escola Narciso Araújo realiza I Feira de Ciências de Biotecnologia

Por Redação | 23.10.2019

 

A EMEF Narciso Araújo realizará no dia 06 de novembro (quarta-feira), de 08 às 20 horas, a finalização da I Feira de Ciências 2019, com o tema “Biotecnologia: Diversidade, riqueza e sustentabilidade”. O público alvo foram os alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental da Escola “Narciso Araújo”, e são responsáveis pelo desenvolvimento as equipes pedagogias, docentes e discentes, e o acompanhamento ficou por conta das professoras Suelem Duarte Silva e Marcela Mizini Sales.

De acordo com as equipes pedagogias, docentes e discentes, o projeto da I Feira de Ciências teve seu início no mês de julho, onde contou com o envolvimento de todos os alunos da escola. O projeto aborda as questões interdisciplinares relacionadas às ciências, sendo que a proposta tem como objetivo articular conteúdo do ensino fundamental, tais como, meio ambiente e suas vertentes: água, lixo, plantas e animais, tecnologia, corpo humano e alimentação.

A I Feira de Ciências “Biotecnologia: Diversidade, riqueza e sustentabilidade” vem buscando aproximar os alunos das Ciências. E a finalização deste projeto dar-se-á no dia 06 de novembro, com apresentação dos trabalhos elaborados ao longo destes meses. O projeto da Feira de Ciências permitiu que os educandos também colocassem a “mão na massa”, vivenciando experiências concretas e lidando com grandes conceitos e valores científicos em suas próprias observações.

Segundo Geruza Farias Hipólito Roza, diretora da EMEF Narciso Araújo, o projeto foi trabalhado de forma interdisciplinar, desenvolvendo todas as dimensões do conteúdo: conceitual, procedimental, atitudinal e factual, envolvendo todas as áreas de conhecimento, proporcionando condições de conhecimento de ciências, entrelaçado a natureza lúdica, podendo ser utilizados: textos informativos, instrucional, jornalístico, artigos científicos, atividades práticas, controle experimental, artes e vídeo.

“Olhar o mundo através de um microscópio ou descobrir algo por meio de um experimento deve encher crianças e jovens de satisfação. As ciências não de4vem estar só nos livros didáticos. Suas páginas devem, contudo, direcionar os olhos dos alunos para além de suas folhas de papel, num percurso que se inicia no ambiente da sala de aula e termina, quem sabe nas estrelas”, completa a diretora Geruza.

 

 

Comentários Facebook


Confira nossa última Edição
e fique informado!

 

Edição 271

Junho / 2018

  Todas as Edições

Leia na Edição Impressa


40ª Corrida de São Pedro contou com mais de mil participantes P. 08
Polícia Federal investiga tramas políticas em Itapemirim P. 4
Falso professor é desmascarado em Marataízes P. 7
Agência do Bandes Fundesul Presidente Kennedy já tem data para inaugurar P. 5

Atendimento

  (28) 99916-0361

  ojornal@ojornalonline.com.br

 

Rua Helena Valadão, 59
Cidade Nova
Marataizes - ES
CEP: 29.300-000

O Jornal Online

 

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

 

© 2017 O Jornal Online. Todos os direitos reservados.