Menu

Home Cachoeiro de Itapemirim Saúde

Bloqueio em bairros alcança bom resultado contra o Aedes

Por Redação | 14.03.2018

 

Três bairros de Cachoeiro recebem nesta semana o trabalho de combate ao Aedes aegypti com o equipamento costal de UBV leve, para aplicar o pulverizante contra o mosquito. As equipes percorrem o São Luiz Gonzaga, o Aeroporto e o Independência, em áreas onde foram constatados casos suspeitos de dengue.

Essa prática foi alterada no ano passado pela prefeitura, em relação à área coberta após notificações da doença. Se o paciente tinha seu caso registrado, a equipe já incluía a rua e adjacências nas visitas de levantamento e combate. Agora, o raio de cobertura cresceu e é aplicado muitas vezes em conjunto com área próxima. Assim, em algumas situações, o bairro todo recebe a ação, chamada de bloqueio.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), a intensificação dos bloqueios está entre os principais fatores para a queda no número de casos na cidade. Na soma das quatro primeiras semanas epidemiológicas, neste ano, foram 106 casos suspeitos. Já nas quatro seguintes, o número cai para 62. A média se manteve na semana 9, com apenas 18 casos notificados.

Para pautar a visita às comunidades, a base ainda é o Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan). “No ano passado, a política em relação ao combate ao Aedes passou a aproveitar melhor essas informações, no sentido de cercar o mosquito, restringindo sua proliferação na área onde sabíamos que a incidência era maior. Os resultados vêm sendo muito satisfatórios”, explica o gerente de Vigilância Ambiental da prefeitura, Fabio Gava.

Dependendo da região, o bloqueio pode contar com as armadilhas para captura de amostras, a borrifação com o UBV (Ultra Baixo Volume), ações de conscientização e os mutirões de limpeza, com participação de outras secretarias municipais e voluntários.

Além disso, quinzenalmente, mesmo sem novas notificações, as equipes visitam locais com problema crônico de infestação, como áreas de ferro velho, cemitério e borracharia. Casos de desrespeito a noções básicas de limpeza, como mato alto ou acúmulo de entulho, devem ser denunciados pelo telefone da Ouvidoria Municipal, o 156.

 

 

Comentários Facebook


Confira nossa última Edição
e fique informado!

 

Edição 269

Abril / 2018

  Todas as Edições

Leia na Edição Impressa


Atendimento

  (28) 99916-0361

  ojornal@ojornalonline.com.br

 

Rua Helena Valadão, 59
Cidade Nova
Marataizes - ES
CEP: 29.300-000

O Jornal Online

 

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

 

© 2017 O Jornal Online. Todos os direitos reservados.